>> Contos Um pequeno conto: A rosa e o cravo
: starstarstarstarblank
Dalva Stolf
Um pequeno conto: A rosa e o cravoImprimirE-mail
Canto do Escritor -
Qui, 10 de Setembro de 2009 18:29
Escrito por Dalva Stolf

Um pequeno conto:A rosa e o cravo.

Num jardim um aroma chama tenção, este exala por todo jardim

Lá bem no meio a mais bela de todas as rosas vive a sonhar

Um belo dia plantaram bem juntinho dela um cravo

Este se pos a crescer, tão belo e charmoso cobiçado por todas as rosas.

Mas este se encantou só por uma delas, a mais bela de todas.

Esta por tua vez nem lhe deu bola,coitado do cravo!

Sentiu-se o mais infeliz de tantas flores belas foi logo escolher justo ela!

A rosa mal dava bola mal olhava pra ele,este foi entristecendo e com o passar dos dias foi definhando cada vez mais.

Foi arrancado deste jardim e jogado fora.

Quase sem vida,passou uma pessoa e o viu ali naquele estado.

Pegou-o com muito cuidado e carinho,levou pro teu jardim,e o plantou com todo amor

Passado o tempo este cresceu lindo novamente cobiçado por todas as rosas.

Lá viveu teus dias feliz esquecendo que um dia conheceu a mais bela que amor a ele negou.

Hoje quem vive só é ela ....pois amor lhe negou e igual a este...... jamais encontrou.

Autora Dalva Stolf


Este texto foi lido 41963 vezes.

Comentários (0)
Somente usuários registrados podem comentar!

O(A) escritor(a) Dalva Stolf escreve para o Canto do Escritor desde Qui, 10 de Setembro de 2009.

Mostrar outros artigos deste autor

Últimos TextosSugestões de Leitura

Você não esta logado.

Acesso ao CE


             |